sábado, 6 de agosto de 2016

Lido: Joãozinho e Margarida

Joãozinho e Margarida é o título português que foi dado a uma das mais famosas histórias de Grimm: Hänsel und Gretel (e pensar que eu levo nas orelhas por traduzir alcunhas. Heh!). E este é mesmo, mais uma vez, um conto dos Irmãos Grimm, pois foi construído por eles a partir de vários contos tradicionais. Todos conhecem pelo menos parte da história; a que diz respeito à esperteza do Joãozinho que descobre o caminho de regresso da floresta com recurso ao estratagema de deixar um rasto de pedrinhas no chão quando nela penetrara. E muitos também devem lembrar-se da casa da bruxa, no meio da floresta, feita de guloseimas para atrair crianças.

Trata-se de uma história infantil, claro, um conto de fadas bom o suficiente para resistir ao teste do tempo. É também das histórias mais elaboradas neste início de livro, em parte graças a elementos originais, em parte devido à reutilização de elementos já vistos em outras histórias, como, mais uma vez, a existência de uma madrasta malvada que procura por todos os meios ver-se livre dos filhos do marido, mesmo tendo aqui uma razão melhor do que é costume: a fome. Mas o que realmente faz mover este conto é outra coisa: a aventura dos miúdos sozinhos na floresta misteriosa e cheia de perigos.

Contos anteriores deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário