terça-feira, 15 de setembro de 2015

Lido: 2014 Campbellian Anthology - José Iriarte

José Iriarte está presente nesta antologia com dois textos, um conto e uma noveleta.

Yuca and Dominoes, o conto, é uma história ambientada no seio da comunidade cubano-americana de Miami, e centra-se num edifício, a Casa Varadero, e nas pessoas que o habitam, exilados cubanos e seus descendentes. Mas a Casa Varadero não é um edifício qualquer. É um edifício mágico, na realidade ou pelo menos em fama, que não permite facilmente que os seus habitantes dele saiam e vão viver vidas plenas em algum outro lugar. Quem sai, fica amaldiçoado, diz-se, e essa maldição é parte integrante também da vida dos que ficam. Um conto muito bom, com personagens muito palpáveis, muito tridimensionais, e uma ambientação também muito bem conseguida.

Cabrón, a noveleta, também é um conto com base na comunidade cubano-americana, mas este ambienta-se num colégio interno católico em Porto Rico no início da década de 1960. Cristina, a protagonista, é filha de exilados, ricos e ferozmente contrarrevolucionários, e assim que chega ao colégio chama a atenção do Hermano Leopoldo, padre conhecido entre as outras miúdas como El Jorobado, o Retorcido. Não propriamente por ser coxo e cordunda, que também era. Mas por ser pedófilo. E o que se segue é mais uma boa história, cheia de personagens muito bem construídas e de ambientes bem palpáveis, revolvendo esta em torno de magia negra, abuso e vingança.

Ajuizando por estes dois exemplos, Iriarte é um autor com muito interesse, mesmo sendo, aparentemente, tão conservador como seria de esperar do membro da comunidade cubana nos EUA que parece ser.

Sem comentários:

Enviar um comentário